05 Abr
Viseu

Desporto

Académico de Viseu vence Sporting da Covilhã

por Redação

16 de Fevereiro de 2020, 17:37

Foto Arquivo Jornal do Centro

Académico regressa às vitórias no campeonato. A equipa de Viseu venceu ao Covilhã através de uma grande penalidade.

TÓPICOS

Académico

Viseu

CLIPS ÁUDIO

O Académico de Viseu venceu, este domingo, no terreno do Sporting da Covilhã, por 1-0, na 21.ª jornada da II Liga de futebol. Golo conseguido através de uma grande penalidade, convertida por Diogo Santos.

As duas formações beirãs, vindas de derrotas, entraram em campo sem arriscar e a ausência de atrevimento refletiu-se na escassez de oportunidades de golo, sendo que, durante a primeira metade, houve apenas uma situação flagrante, aos seis minutos, quando Fernando Ferreira, na sequência de um canto, atirou de fora da área para defesa de Carlos Henriques.

Antes, uma investida de João Mário tinha sido desviada para canto e, aos 12 minutos, do lado serrano, Brendon cabeceou para defesa fácil de Janota.

Na segunda parte, o Sporting da Covilhã entrou melhor na partida, a jogar com maior intensidade, mais esclarecido, enquanto os viseenses pareciam acusar algum desgaste e começavam a ter dificuldade em contrariar a velocidade imposta pelos serranos.

Quando os ‘leões da serra’ estavam por cima no jogo, a formação orientada por Rui Borges chegou à vantagem, numa grande penalidade assinalada por Dinis Gorjão, que considerou faltoso um contacto de Carlos Henriques sobre Fernando Ferreira.

Na conversão do castigo máximo, Diogo Santos, aos 66 minutos, atirou a bola rasteira para o lado contrário do guardião serrano.

Com as alas refrescadas e o ataque reforçado, o Sporting da Covilhã aumentou a pressão, enquanto o Viseu foi conseguindo afastar o perigo e ganhando as segundas bolas.

Apesar das ameaças, só aos 89 minutos o Covilhã conseguiu fazer o primeiro remate, por Kukula, ao lado do poste.

Com este resultado o Viseu regressou às vitórias, depois de dois jogos seguidos a perder para o campeonato e sobe um lugar na tabela, ao nono posto. O emblema treinado por Daúto Faquirá soma a segunda derrota consecutiva e desce uma posição, para sétimo.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts