10 Abr
Viseu

Desporto

Coronavírus: jogadores de damas da região treinam em casa

por Redação

24 de Março de 2020, 10:26

Foto Arquivo Jornal do Centro

CLIPS ÁUDIO

Os jogadores de damas estão a ser afetados pela pandemia de Covid-19. A Casa do Povo de Mangualde já tomou medidas de prevenção para combater a propagação do novo coronavírus.

Numa situação que considera ser preocupante para o desporto, Amadeu Silva, vice-presidente da Casa do Povo de Mangualde e jogador de damas, diz ao Jornal do Centro que a coletividade decidiu suspender as provas do torneio regional da modalidade, que juntava as regiões de Viseu, Guarda, Coimbra e Aveiro.

“Também a Federação Portuguesa de Damas, em colaboração com a Federação Internacional, decidiu suspender todas as provas que estavam no calendário nacional”, acrescenta.

Amadeu Silva refere que esta é uma modalidade em que os jogadores têm um contacto muito próximo e que, por isso, suspender todas as atividades foi a decisão mais acertada.

“Concordo. Nós temos de nos desviar uns dos outros. Estamos a meio metro dos adversários. Há sempre um contacto, porque tenta-se trocar as pedras e ainda deslocamos um braço, mais perto ainda do nosso adversário. Nos torneios, estão envolvidos sempre uma média de 50 a 60 jogadores e há atletas de todo o país”, explica.

Apesar de não poderem jogar presencialmente, Amadeu Silva conta que usa aplicações para continuar a treinar a partir de casa. “Podemos jogar individualmente e treinar, mas também há outras aplicações que nos permitem jogar com jogadores de todo o mundo. E é isso que nós mantemos sempre: além de treinarmos, temos o contacto com vários atletas a nível mundial”, conclui.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts