04 Abr
Viseu

GERAL

GNR chamada para interromper missa

por Redação

22 de Março de 2020, 18:11

Foto Arquivo Jornal do Centro

CLIPS ÁUDIO

A GNR de Mangualde foi este domingo chamada a intervir na aldeia de Santiago de Cassurrães devido ao padre da freguesia ter celebrado missa às 11h00, com a participação de oito pessoas.
O sacerdote, Celestino Ferreira, não cumpriu o estado de emergência decretado pela Governo, que não permite a realização de atividades religiosas com público.
Segundo informações, o pároco também já tinha convocados os fiéis para uma Via Sacra a realizar durante a tarde deste domingo, bem como para outras cerimónias religiosas a realizar durante a próxima semana. O Jornal do Centro contactou o padre Celestino Ferreira mas não respondeu à chamada. Fonte da GNR informou que o pároco foi "sensibilizado para a proibição da realização de celebrações de cariz religioso e de outros eventos de culto que impliquem aglomeração de pessoas".

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts