18 Fev
Viseu

Região

Do bacalhau ao javali: eis o Festival das Sopas de Sernancelhe

por Redação

16 de Fevereiro de 2018, 14:28

Foto Arquivo Jornal do Centro

Evento começa hoje e termina este domingo

CLIPS ÁUDIO

São três os dias em que os sabores típicos da região vão estar concentrados nas tijelas da 5ª edição do Festival das Sopas e Encontros de Ranchos de Sernancelhe. Com 16 associações do concelho a concurso, cada uma vai apresentar uma sopa, ou caldo, que tenha no seu “ADN”, tudo com o objetivo de promover a região entre 16 e 18 de fevereiro.

“As associações têm a obrigatoriedade de trabalhar as sopas com um receituário que seja local ou regional e têm também de usar os produtos da própria localidade”, explica Armando Mateus, vereador do turismo da Câmara de Sernancelhe. Com um “cardápio” que junta sopa de gravanços com bacalhau, caldo de castanha, sopa de feijoca à zebreira ou sopa de cogumelos, o autarca sublinha que a apresentação de cada associação é, precisamente, o produto que vai vender. “Por exemplo a Associação de Caça e Pesca vai fazer uma sopa de javali, já a Associação da Faia, que é de uma zona ribeirinha vai fazer uma sopa de peixe do rio”, afirma.

Nove mil visitantes durante três dias
Com um custo de três euros por tijela, Armando Mateus explica como vai funcionar este festival. “Ao comprar uma tijela pode provar todas as sopas que vão estar disponíveis. A receita total das vendas vai reverter para as associações participantes”. Durante os três dias do festival são esperados cerca de nove mil visitantes neste evento que vai decorrer no Exposalão de Sernancelhe.