Geral

07 de 05 de 2022, 09:00

Cultura

A loucura, o preconceito e a melodia este mês na ACERT

Confira aqui a agenda mensal da associação cultural de Tondela que começa este sábado

valério romão espetáculo acert

Fotógrafo: D.R./Valério Romão

Já com o Verão a querer bater à porta, a ACERT, em Tondela, propõe um maio recheado de algumas propostas culturais, incluindo música, teatro e dança.

Os TriVenção vão atuar já este sábado (7 de maio), às 23h00, prometendo revisitar o repertório clássico num café-concerto. O trio da Guarda apresenta um repertório de canções de José Afonso, Adriano Correia de Oliveira, Sérgio Godinho, José Mário Branco, Rui Veloso, Paulo de Carvalho, Jorge Palma, Frank Sinatra, James Brown, Sting e Supertramp.

A 13 de maio, o teatro chega com a Escola de Mulheres e a peça “A Loucura é o Mais Credível Oráculo”, agendada para as 21h45. O espetáculo, segundo a companhia, pretende “questionar aquilo a que gostamos de chamar realidade, verdade ou normalidade”. No dia 14, para toda a família, o Projeto Ruínas apresenta às 11h00 o espetáculo “Em Bicos de Pés”.

Na dança, “Carlos” é o nome do espetáculo que vai subir ao palco a 20 de maio, às 21h45. A coreografia é da Companhia Catarina Branco, que criou a peça para pensar sobre a desigualdade, o preconceito e a forma como as pessoas se relacionam uns com os outros, em comunidade. “Carlos” será também apresentado ao público escolar no dia anterior.

O músico Miguel Cordeiro atua no dia 28, em mais uma edição de “O Estúdio é Teu”. Com um novo disco na bagagem, o artista natural de Tondela leva para a ACERT o mais recente disco “Umbigo” e um punhado de canções, estando acompanhado pelos percussivos João Bargão e Ricardo Brito.

Até ao dia 21, ainda pode ver a exposição “Outras Importâncias” na Galeria ACERT.