Geral

13 de 02 de 2024, 09:30

Diário

Associações servem sopas em festival de Sernancelhe

Festival de Sopas decorre no próximo fim de semana e conta também com atuações de grupos folclóricos

festival de sopas sernancelhe créditos câmara

Dezoito associações do concelho de Sernancelhe vão participar no Festival de Sopas, que acontece já no próximo fim de semana (16 a 18 de fevereiro).

O festival, que já recuperou iguarias como sopa de gravanços com bacalhau, caldo de castanha, sopa de feijoca à Zebreira ou sopa de cogumelos, promete ser “uma montra de cultura e da tradição” de Sernancelhe no Exposalão da vila.

Segundo a Câmara, o público vai ter a oportunidade de “diversas exposições de artes e ofícios, contactar com usos e costumes e degustar gratuitamente as sopas que contam a história de um povo”.

O evento – que atrai milhares de pessoas a Sernancelhe – promete juntar “o melhor da gastronomia tradicional, artesanato e folclore, proporcionando aos visitantes uma viagem pela história, cultura, sons e pelos sabores do nosso povo”, acrescenta a autarquia.

A 10.ª edição do Festival de Sopas e Encontro de Ranchos abre as portas pelas 18h30 desta sexta-feira com a presença convidada do presidente da Câmara de Tarouca, Valdemar Pereira.

Várias associações de Sernancelhe irão confecionar os mais variados tipos de sopas que os visitantes podem provar. Este ano, está prevista a participação das associações Ambula IPSS, Empresarial da Beira Alta, Zona de Caça Távora e Zebreira, Desportiva e Recreativa de Sarzeda, Dinamizadora da Aldeia da Faia, Casa do Benfica de Sernancelhe, Melhoramentos da Freguesia de Escurquela e Baldios de Quintela da Lapa.

Também confirmaram a presença do Conselho Diretivo dos Baldios “Cinco Réis de Gente” do Carregal, da Banda Musical 81 de Ferreirim, da Confraria da Castanha Soutos da Lapa, da Liga dos Amigos da ESPROSER (Escola Profissional de Sernancelhe), da Manta Verde – Associação da Biointerpretação de Lamosa, do Núcleo Desportivo de Cultural de Vila da Ponte, do Rancho Folclórico da Terra da Castanha de Sernancelhe, do Grupo Motard "Os Amigos Binantes", do Clube Caça e Pesca de Sernancelhe e da Banda de Música de Sernancelhe.

Enquanto provam as sopas, os visitantes também poderão assistir às atuações de 15 ranchos folclóricos, que vêm dos mais variados pontos do país.

As primeiras atuações musicais estão a cargo do Grupo de Concertinas de Freixinho às 19h30, dos Pauliteiros de Miranda às 20h30 e do Rancho Folclórico Terra da Castanha às 21h30 desta sexta-feira.

No sábado, toca o Grupo de Concertinas Amigos de Riodades às 14h00. O primeiro encontro de ranchos, agendado para uma hora mais tarde (15h00), conta com o Grupo Folclórico Os Camponeses da Beira-Ria (Aveiro), o Rancho Folclórico do Ourondo (Covilhã), o Rancho Folclórico de Zebreiros (Gondomar), a Rusga de Joane (Vila Nova de Famalicão), o Rancho Folclórico e Etnográfico de Vale de Açores (Mortágua) e o Rancho Folclórico de Santa Marta de Portuzelo (Viana do Castelo).

No domingo, o segundo encontro de ranchos começa às 14h00, com o Rancho das Lavradeiras da Trofa, o Rancho Folclórico “Os Camponeses da Raposa” (Almeirim), o Rancho Folclórico da Meadela (Viana do Castelo), as Danças e Cantares do Paul (Covilhã) e o Rancho Folclórico de Arnas (Sernancelhe), e marca o último dia do Festival de Sopas.