Geral

07 de 06 de 2024, 18:14

Diário

Centros de saúde do distrito de Viseu requalificados com o apoio do PRR

Só o Centro de Saúde de São Pedro do Sul, que tem passado por constrangimentos recentes, vai ter obra no valor de 2,2 milhões de euros. Acordos foram assinados esta sexta-feira com o Governo

centro de saúde são pedro do sul acordo requalificação

Fotógrafo: Câmara de São Pedro do Sul

Os centros de saúde de São Pedro do Sul, Sernancelhe, Tabuaço, Tarouca e Vouzela vão ter obras com o apoio do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR). As autarquias assinaram contratos de financiamento com o Governo para assegurarem os projetos.

Em São Pedro do Sul, o Centro de Saúde local vai ter um novo edifício junto ao atual espaço. Recorde-se que a valência tem passado por um período de sobressalto por causa da falta de médicos, o que levou mesmo a vários encerramentos do seu serviço de urgência.

Segundo a Câmara de São Pedro do Sul, o investimento na obra ronda os cerca de 2,2 milhões de euros, um valor que é apoiado na totalidade pelo PRR. A autarquia assinou o contrato de financiamento esta sexta-feira em Coimbra na presença dos ministros Ana Paula Martins (Saúde) e Manuel Castro Almeida (Adjunto e da Coesão Territorial).

O município de São Pedro do Sul tinha apresentado uma candidatura no âmbito do programa "Cuidados de Saúde Primários com mais respostas" do PRR (Plano de Recuperação e Resiliência) e o financiamento foi depois aprovado.

No novo edifício, que ficará junto ao atual Centro de Saúde, irão passar a funcionar as valências daquela estrutura. Já o Serviço de Urgência Básica mantém-se no edifício já existente “com maior disponibilidade de áreas, permitindo melhorar as condições de ambos os serviços, quer para os profissionais de saúde quer para os utentes”.

“Com este investimento, o Município reitera a importância da melhoria dos serviços de saúde no concelho, nomeadamente do Serviço de Urgência Básica que serve ainda os concelhos de Vouzela, de Oliveira de Frades e de Castro Daire”, sublinha o executivo presidido por Vítor Figueiredo.

No concelho de Vouzela, a requalificação do Centro de Saúde de Vouzela vai merecer um investimento de 1,3 milhões de euros financiado pelo PRR.

Já em Sernancelhe, o Centro de Saúde vai ser igualmente requalificada num investimento de cerca de 170 mil euros. Segundo a Câmara, que assinou o contrato de financiamento também esta sexta-feira no Porto, as obras deverão “iniciar nas próximas semanas”.

A intervenção dotará o Centro de Saúde de Sernancelhe de novas soluções energéticas, de um novo sistema de climatização e de caixilharias, entre outras intervenções. O objetivo é “garantir qualidade e bem-estar aos profissionais de saúde e aos utentes”, salienta a autarquia presidida por Carlos Santos.

“Este contrato decorre da descentralização de competências da Saúde, assumidas pelo Município de Sernancelhe, e vêm ao encontro das exigências então formuladas pelo Executivo municipal no início do processo”, realça o município.

Em Tabuaço, também vai ser requalificado o Centro de Saúde num investimento que vai custar 246 mil euros. Já em Tarouca, o edifício da Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados será requalificado e adaptado em obras de melhoria para aumentar a eficiência energética, cumprir planos de contingência e assegurar a acessibilidade, a segurança e o conforto de utentes e profissionais.

Só nas regiões Norte e Centro, o investimento do PRR na requalificação e construção de centros de saúde ronda os 196,7 milhões de euros.