26 fev
Viseu

Cultura

Peça de teatro em Viseu homenageia Fernão de Magalhães

por Redação

05 de dezembro de 2020, 08:00

Foto D.R.

CLIPS ÁUDIO

A companhia Teatro Onomatopeia, da associação Zunzum, apresenta entre os dias 11 e 13 de dezembro a peça “De volta sem Magalhães”.

O espetáculo visa celebrar os 500 anos da primeira viagem de volta ao mundo, feita pelo português Fernão de Magalhães, que demorou entre 1519 e 1522, contando com a encenação de Carlos Santiago e a interpretação de Isabel Legoinha, Márcia Leite e Roger Bento.

A peça foi baseada, segundo a Zunzum, no “caráter e figura” de Fernão de Magalhães, permitindo que se conte “a sua gesta heroica, com os precários mas resolutivos recursos do teatro”.

“Este desafio que esperamos partilhar com o público nasce do conhecimento e da vontade de comemorar os 500 anos da volta ao mundo de Fernão de Magalhães, uma viagem que demorou quase três anos. Achamos que seria um bom mote para um espetáculo merecedor de ser contado ao público e partilhado”, afirmou Márcia Leite.

A história remonta a 1522, quando o cavalheiro italiano António Pigafetta visita a corte do rei D. João III de Portugal para dar testemunha da primeira circum-navegação, tendo sido um dos 18 homens que conseguiram retornar a Europa.

Pigafetta vai à corte defender a figura de Fernão de Magalhães, acompanhando-se de um português e de um galego, contando o relato da viagem e esclarecendo o destino trágico de Fernão de Magalhães.

A estreia acontece a 11 de dezembro, sexta-feira, pelas 21h00 no auditório do IPDJ de Viseu. As apresentações continuam sábado (dia 12) às 21h00 e domingo (dia 13) às 16h00. O preço do bilhete é de cinco euros.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts