04 Jun
Viseu

Região

Coronavírus: médicos criticam validador dos testes em Viseu

por Redação

30 de Março de 2020, 10:01

Foto Arquivo Jornal do Centro

CLIPS ÁUDIO

A Federação Nacional dos Médicos (FNAM) denuncia que a requisição dos testes ao novo coronavírus em Viseu está a ser barrada por um validador que, acusam os profissionais, mais parece um controlador.

Os médicos dizem que já há capacidade para a realização dos testes com a instalação do centro de triagem no Pavilhão Multiusos, mas quem tem de os validar opta por o não fazer. Um processo burocrático que é criticado por quem está no terreno, afirma Noel Carrilho da FNAM.

“Foi criada aqui uma figura intermédia que não está definida na norma e que iria validar estes casos, estas suspeitas que vão a testes. É um gesto que me parece de burocracia desnecessária. O que nos chegam é que muitos dos testes não foram realizados após terem sido contactados por esta figura validadora”, diz em declarações ao Jornal do Centro.

Noel Carrilho acrescenta que muitos destes testes à Covid-19 “não foram negados, mas foram dados como adiados”. O médico considera que a figura do validador só serve “para limitar a realização do número de testes, assumindo que eles não são suficientes”. “Não seria necessária porque se um médico já definiu os critérios e o caso como suspeito, não é preciso validar mais nada”, remata.

Esta posição da FNAM é defendida pelo Sindicato Independente dos Médicos, que considera a situação grave com a “criação desnecessária” de um cargo intermédio.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts