01 Jun
Viseu

Região

Coronavírus: Procuradoria Geral da República impede quarentena aos emigrantes

por Redação

26 de Março de 2020, 13:08

Foto Igor Ferreira

Decisão foi revelada pela Administração Regional de Saúde do Centro

CLIPS ÁUDIO

A Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro diz que não pode decretar a quarentena obrigatória de 14 dias para os cidadãos de outros países e dos grandes centros urbanos que estão a chegar à região de Viseu, porque, sustenta, a Procuradoria Geral da Republica considerada ilegal essa obrigatoriedade que já está a acontecer em outras regiões do país.

É esta a resposta que a autoridade máxima de saúde da zona Centro dá à Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, que está indignada por a entidade ainda não ter decretado a quarentena, como de resto já fizerem outras autoridades de saúde. Na região de Viseu teme-se que quem vem de fora traga consigo a doença de Covid-19.

Numa resposta ao Jornal do Centro, a ARS Centro garante que já informou o presidente da CIM, Rogério Abrantes, sobre esta situação.

Na semana passada, a diretora geral da Saúde, Graça Freitas, garantiu que a partir desta semana todas as pessoas que chegassem do estrangeiro teria que ficar em isolamento profilático, mas a medida ainda não entrou em vigor.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts