04 dez
Viseu

Região

Covid-19: Cinfães declara situação de alerta no concelho

por Redação

27 de outubro de 2020, 18:23

Foto Arquivo Jornal do Centro

Município é um dos que tem o risco mais elevado de contágio no país

CLIPS ÁUDIO

O município de Cinfães declarou situação de alerta no concelho. Após uma reunião de emergência da Proteção Civil, ficou decidido que será reforçada a vigilância do cumprimento das regras pelas forças de segurança e ativadas as linhas de apoio aos utentes para evitar deslocações. Foi ainda pedido o uso da máscara em todos os locais e anunciada a criação de uma Área de Doença respiratória no concelho.

Cinfães é um dos concelhos do país com o risco de contágio mais elevado. A decisão municipal teve em conta o agravamento e o constante aparecimento de novos casos num município que está, nesta terça-feira, com 201 ativos. (ver gráfico)

“Considerando a evolução de novos casos com aumento sucessivos nas últimas três semanas, considerando o número de contactos em vigilância ativa, num total de 556, e considerando a elevada probabilidade da continuidade de aparecimento de novos casos”, ficou decidido declarar a situação de alerta.

Em nota, a autarquia explicou que também foi tido em conta os indicadores de internamentos nas unidades de saúde e nomeadamente no Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa, com mais de 150 internados à data, e, portanto, “a possível limitação da capacidade de internamentos e tratamentos, se necessários”.

Ainda segundo a autarquia, da análise das cadeias de transmissão, verifica-se que a maioria dos casos acontece em ambiente familiar e amigos.

Por isso, o apelo é feito no sentido de alerta “para o risco elevado da continuidade de transmissão da doença para qualquer cidadão, e consequências daí resultantes para a saúde, assim como a necessidade urgente de serem adotadas e reforçadas todas as medidas de prevenção e de proteção individuais e coletivas”.

Entre as medidas, está o apelo para não se realizarem ajuntamentos familiares e de amigos, para o uso da máscara em todos os locais e para o distanciamento e desinfeção das mãos.

 

 

 

.

Dezassete novos infetados na região esta terça-feira (balanço)

 

Veja a atualização em: https://covid.jcentro.pt/

 

A região de Viseu teve, pelo menos, 17 novos casos de infeção por Covid-19 nas últimas horas.

Os concelhos de Oliveira de Frades, Tabuaço, São João da Pesqueira, Nelas, Lamego, Sátão, Moimenta da Beira, Sernancelhe e Tondela registaram novas infeções pelo novo coronavírus.

Esta tarde de terça-feira (27 de outubro), Tondela registou mais quatro infetados. Segundo a Câmara Municipal, o concelho tem agora um registo de 86 casos ativos. No CD Tondela, há mais um jogador infetado com Covid-19: Ruben Fonseca.

Houve ainda a confirmação de dois novos casos em Sátão, que regista nesta altura 11 infeções ativas e também 41 pessoas sob vigilância.

Em Lamego, a Câmara confirmou mais um caso, passando a haver 19 ativos. O mesmo aconteceu com Moimenta da Beira, que, segundo informações da autarquia, tem 41 casos confirmados.

Em Sernancelhe, também houve mais um infetado. A Câmara comunica a existência, nesta altura, de nove casos ativos no concelho.

Já durante a manhã, foram conhecidos oito novos casos de infeção em Oliveira de Frades, Tabuaço, São João da Pesqueira e Nelas, que também registou mais quatro recuperados da doença.

Em Viseu, três funcionárias do setor de alimentação do Hospital testaram positivo, enquanto quatro colegas aguardam os resultados dos testes. Também no Hospital, estão internados 24 doentes, dos quais quatro nos cuidados intensivos.

Ao todo, na região de Viseu, há registo de 2.198 infetados confirmados desde o início da pandemia em março, bem como 58 óbitos e 1.025 recuperados.

Os concelhos com mais casos acumulados são Viseu, Cinfães  e Castro Daire.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts