21 jan
Viseu

Região

Covid-19: vacinação em lares começa segunda-feira em Mangualde

por Redação

29 de dezembro de 2020, 20:24

Foto Arquivo Jornal do Centro

CLIPS ÁUDIO

No distrito de Viseu, a vacinação em lares está agendada para começar na próxima segunda-feira em Mangualde, um concelho que está com uma elevada taxa de incidência de casos positivos de Covid-19. As autoridades de saúde lembram, no entanto, que apenas poderão ser vacinados os utentes que não estão em situação aguda. Nesta primeira fase, esperam-se que as vacinas sejam administradas a cerca de 350 utentes e profissionais de todas as estruturas do município que não tenham surtos ativos. De acordo com o diretor do Agrupamento de Centros de Saúde (Aces) Dão Lafões, o planeamento já está a ser feito com as instituições. “Neste concelho, serão cerca de 350 unidades de vacina que vão ser administradas na primeira inoculação”, anunciou Cabrita Grade.

O responsável pelo Aces, que esta terça-feira vacinou já 150 dos seus profissionais de saúde, lembra que esta primeira fase vai prolongar-se até abril/maio e que, além dos médicos e enfermeiros dos centros de saúde, chegou também a hora dos profissionais e utentes de lares, residenciais seniores e unidades de cuidados continuados.

“Isto é um processo de vários dias, de vários meses. Nós estamos a fazer toda a organização para cumprir com a vacinação e quebrar as cadeias de contágio”, assinalou.

Esta terça-feira, a ministra da Saúde, Marta Temido, anunciou que a vacinação contra a Covid-19 nos lares de idosos vai arrancar na próxima semana nos 25 concelhos com um nível de risco extremamente elevado, onde foram identificadas 150 estruturas. A governante explicou que a prioridade de vacinação contra a covid-19 nos lares de idosos e unidades de cuidados continuados integrados foi definida com base no mapa de risco. Por região, são 11 no Norte, cinco no Centro, um em Lisboa e Vale do Tejo e oito no Alentejo.

Na semana seguinte, a partir de 11 de janeiro, a vacinação avança para os lares de idosos dos restantes concelhos.

Já sobre o primeiro dia de vacinação em Viseu, Cabrita Grade frisou que todas as doses foram administradas. “De destacar o número significativo de profissionais convocados que se apresentaram”, começou por dizer, acrescentando que o dia de hoje foi um “sinal positivo”, para o exterior porque “as pessoas precisam de saber que temos aqui uma janela de oportunidade de combate à pandemia”.

Além da vacinação no Aces Dão Lafões, também cerca de 180 médicos e enfermeiros do Centro Hospitalar Tondela Viseu receberam a primeira dose da vacina. Até quinta-feira, nas duas estruturas mais profissionais vão ser vacinados.

 

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts