16 Jul
Viseu

Região

PSA Mangualde faz menos carros na retoma

por Redação

26 de Maio de 2020, 11:55

Foto Arquivo Jornal do Centro

CLIPS ÁUDIO

A PSA Mangualde está a produzir 10 viaturas a menos, por turno, nas duas primeiras semanas da retoma laboral após a pandemia. Desde a última segunda-feira (25 de maio), a fábrica automóvel está a produzir com os três turnos ativos.

António Silva, da Comissão de Trabalhadores do centro de produção, diz que a empresa está a fabricar menos devido às condições sanitárias e às dificuldades na adaptação dos operários à nova normalidade derivada da Covid-19 e às medidas de segurança impostas.

“Passámos a fazer de 113 para 103 carros por turno, mas isto também deve estar adaptado às encomendas que nós tínhamos. Já não é fácil andar de máscara oito horas por dia e ainda mais com a agravante da temperatura. É muito difícil as pessoas adaptarem-se, apesar da boa vontade e força que têm demonstrado, mas há pessoas que já se vão habituando a usar a máscara”, explica.

Com a retoma dos três turnos, depois de dois meses de paragem, o representante dos trabalhadores espera que a produção volte ao normal.

“A expetativa é que as coisas continuem como têm continuado nos últimos dois anos, mas o velho ditado diz que ninguém tem a bola de cristal para saber, porque outros grupos automóveis têm algumas dificuldades. Para já, não será tanto o caso do Grupo PSA, mas não sabemos o que virá até ao final do ano”, alerta.

António Silva lembra ainda que já há registos de quebras superiores a 80 por cento na venda de carros novos em Portugal. “Agora, se nos irá atingir de igual forma, penso que provavelmente será o caso para todas as marcas, mas esperamos para ver os resultados dos trimestres”, remata.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts