28 fev
Viseu

Região

Tondela: PSD apela à reabertura da extensão de saúde do Caramulo

por Redação

20 de janeiro de 2021, 17:53

Foto Arquivo Jornal do Centro

CLIPS ÁUDIO

A concelhia do PSD de Tondela manifesta-se contra o encerramento da extensão de saúde do Caramulo.

A unidade fechou as portas há mais de uma semana, depois de alguns profissionais terem entrado de baixa médica. A medida afetou três mil utentes, que têm agora de se deslocar à vila de Campo de Besteiros para ser vista por um médico. Uma deslocação que é “quase impossível”, referem os sociais-democratas.

“É incompreensível que por falta de secretários clínicos, num cenário catastrófico como o que assistimos hoje, em particular na Vila do Caramulo onde estão instaladas tantas instituições com idosos e com surtos de Covid-19 identificados, não esteja assegurado o acesso a cuidados de saúde primários”, pode ler-se na nota da estrutura política, que fala de um problema “transversal” que afeta e coloca em causa a vida da comunidade local.

Os sociais-democratas de Tondela questionam se havia a necessidade de se promover a deslocação de pessoas mais vulneráveis, como os idosos, a outras extensões de saúde, aumentando a concentração de utentes em tempo de pandemia.

“É esta a estratégia do Ministério de Saúde para os territórios envelhecidos e desertificados? Apela-se às populações para só se deslocarem a urgências em caso de extrema necessidade, e deixam-se duas freguesias com uma área de quase 70 km2 completamente desprotegidas, S. João do Monte/Mosteirinho e Guardão, além de freguesias de outros concelhos limítrofes, com centenas de idosos institucionalizados? É esta a defesa do Serviço Nacional de Saúde?”, perguntam.

Por isso, o PSD Tondela apela às autoridades “que se empenhem na defesa da reabertura urgente” da extensão do Caramulo e afirma estar ao lado do executivo da Câmara “na exigência e total colaboração para aproximar as populações dos cuidados de saúde primários”.

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts