28 fev
Viseu

Região

Vacinação: convocatória através de mensagens “não funcionou”

por Redação

12 de fevereiro de 2021, 14:03

Foto Arquivo Jornal do Centro

Profissionais da USF Lusitana (Viseu) tiveram de contactar utentes, um a um. Tarefa tornou-se “pesada”

CLIPS ÁUDIO

Arrancou esta manhã de sexta-feira (12 de fevereiro) a vacinação contra a Covid-19 nos idosos de Viseu numa experiência piloto com os utentes da Unidade de Saúde Familiar (USF) Lusitana.

As pessoas com mais de 80 anos que se deslocaram ao Pavilhão Multiusos, onde está montado o centro de vacinação, foram contactadas por telefone. Tudo porque a convocatória através das mensagens “não funcionou”.

“Tecnicamente, não foi possível fazer o agendamento através das mensagens. Havia uma questão na agenda eletrónica que não era compatível com o nosso funcionamento aqui. É uma situação que está a ser reportada e que, no seu devido tempo, será agilizada”, garante o diretor do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Dão Lafões. António Cabrita Grade adianta que “as medidas de correção necessárias” são a nível superior.

Telefonar para cerca de 200 utentes levou um dia e tornou-se uma tarefa “pesada” para os profissionais de saúde da USF Lusitana. “Se falhasse, também, o agendamento telefónico, o próximo passo seria o agendamento através de carta escrita”, sublinha o clínico. 

Entre esta sexta-feira e sábado (dia 13), vão ser vacinados contra a Covid-19 cerca de 200 idosos numa experiência piloto que decorre no Pavilhão Multiusos, em Viseu.

 

Ouça e trabalhe ao mesmo tempo

Destaques

Podcasts